Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

ALEGRIA, DANÇA

15.09.21 | Sandra

px-downloadgc75542c761fd106a83f7f1e732c147acce4367

Há caminhos feitos
do teu nome traduzido
em sombras quebradas,
o despir da luz que escorrega
do sol presente, cuidado...
Percursos onde se devastam
formas, cores,
despem-se barulhos, cheiros,
significados indecifráveis;
quando vagos pensamentos
alinham-se, alinhavam-se
e acomodam-se empolgados
ao vento que não sopra,
à chuva que não cai,
ao momento cercado
por passos soltos que dou!

Há caminhos simétricos 
pelos quais passaste,
e voltarás a passar,
deixando o mistério imparcial
das grandes palavras sem som,
quando fervilham
os minutos sem pressa,
onde se esticam
as curvas adormecidas,
no vasto ecoar transparente
do passar dos dias.

Há caminhos que apetecem,
ficam, fazem-se,
conduzem
às incógnitas disfarçadas
de nada e de tanto,
onde o final desapegado
é início,
descoberta, entendimento,
onde estás sempre tu
(origem e finalidade)
feito constante recomeçar meu
em alegria, dança.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.