Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sílabas à Solta

Textos de minha autoria, uns mais atuais que outros. Todos com fundo real. Imagens retiradas da internet. | Qualquer reprodução dos meus conteúdos deve ser sempre feita com referência à minha autoria.

Textos de minha autoria, uns mais atuais que outros. Todos com fundo real. Imagens retiradas da internet. | Qualquer reprodução dos meus conteúdos deve ser sempre feita com referência à minha autoria.

Sílabas à Solta

01
Set20

BRINDE

Sandra

5474191_M.jpg

À janela aproveito o ar fresco que o fim de tarde traz consigo. O céu apresenta-se com nuances aveludadas que vão do azul pálido ao roxo, passando pelo magenta e cor de laranja. Torna-se difícil perceber onde começa e acaba cada camada de cor que pinta o amplo horizonte. Aproxima-se o anoitecer gentilmente, cheio de sussuros. Mesmo por baixo da minha janela os pardais chiam, cada um escolhendo para si o melhor lugar para passar a noite. Aos poucos ficam mais silenciosos, mais sossegados.

Também eu estou mais sossegada nesta altura do dia. O silêncio, que se cola ao meu corpo como o perfume do banho que acabei de tomar, é apenas quebrado pelos sons dos melros e de uma ópera que vem de uma janela distante. Sento-me perto da janela aberta à praceta, com uma bebida fresca e um chocolate por companhia. Relembro, despreocupada e grata, o dia que foi. Há assuntos a resolver, preocupações que acompanham os vários momentos do dia, incertezas quanto ao amanhã. Não se podem esquecer nem relegar para segundo plano as responsabilidades.

Mas agora é altura de me dar a mim, de me olhar, ouvir, mimar. É o meu momento. Faz falta reconhecer as coisas boas que ainda existem, apesar dos "apesares". É preciso saber identificá-las, agradecer, entregar-se à beleza do que ainda possa existir. À nossa volta, dentro de nós. Respirar fundo, relaxar. Ergo o copo em direção ao céu bondoso de fim de dia, e brindo feliz: À vida, à fé, a nós! Tchim-tchim!

20 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D