Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

ENQUANTO HÁ TEMPO

22.08.20 | Sandra

1450300_S.jpg

A hora imediata ao acordar é muito peculiar. É o momento que me traz maior introspeção, embora nem sempre voluntária. É como se algo independente de mim guiasse a minha linha de pensamentos e eu fosse somente uma mera observadora. Contudo, é nesse estado de espírito que alguma preciosa reflexão nasce. Quando ainda me sinto ensonada, ligada a esse estranho e misterioso mundo dos sonhos, os sentidos ainda meios adormecidos mas a mente já a despertar. Quando as vozes do inconsciente ainda se fazem ouvir sem encontrar resistência.

Hoje, talvez por culpa de algum sonho já remetido para o universo do oculto, acordei a pensar em algo que não pode ser mais real: todos, sem exceção, temos alguém especial nas nossas vidas, alguém que nos marca, ou marcou, pela positiva. Há sempre mais que uma pessoa, mas, por algum motivo real e válido, existe normalmente alguém que se destaca de todos os outros. Se conseguirmos analisar a questão com verdadeiro espírito analítico, esse alguém é facilmente reconhecível.

Infelizmente nem sempre conseguimos colocar em palavras ou atos todo o amor, o reconhecimento e gratidão que lhe temos, e que essa pessoa merece saber que sentimos. Ou porque o momento passou, ou porque ainda não chegou, ou porque alguma barreira impede as palavras de fluírem das nossas bocas. Ou porque "amanhã, sem falta".

Hoje sinto-me assim e isso entristece-me um pouco pois os ponteiros do relógio nunca andam para trás, pelo menos por livre arbítrio, e o momento que é o "agora", no futuro, será o "ontem".

Mais: se por enquanto a coisa parece não ter muita importância, adiar demonstrações de afeto e gratidão, um dia acabamos confrontados com a certeza de que poderíamos ter sido mais, dado mais, retribuído mais a essa pessoa que tanta importância tem.

Esse será o meu próximo desafio: conseguir colocar em palavras algo tão simples como um "Gosto tanto de ti, obrigada, desculpa, és demais, estou aqui para ti".

E oferecer todas essas palavras ao alguém especial que torna tudo sustentável, viável e com ainda mais sentido, mais encanto. Que torna mais leve esta minha caminhada. Pelo menos, tentar.

28 comentários

Comentar post

Pág. 1/2