Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

Sílabas à Solta

POESIA | PROSA POÉTICA

ESCOLHER PALAVRAS

12.09.20 | Sandra

20200912_085059.jpg

Libertaste-me!

Sou leve, enfim,

Feliz, sem remorsos!

Penas, jogos, esquemas...

Sou livre, de novo!

As palavras certas disseste-as tu!

Sem o saberes,

Na porta fechada abriste-me janelas!

Agora eu! Alegria!

Solto-me na manhã!

Hoje já tudo lá vai, onde tu vais também!

E já nada será mudado,

Nada novo entre nós...

Sorrio, estou bem!

Não tens como retroceder:

Pelas vezes que perdi,

Hoje ganho eu!

Já não tenho que escolher palavras,

Pesar sentidos,

Medir significados!

Libertaste-me como fumo, de ti,

Sob tudo aquilo que tu não queres! 

E agora,

Quem não quer sou eu!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.