Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sílabas à Solta

Textos de minha autoria. Imagens retiradas da internet. Qualquer reprodução dos meus conteúdos deve ser sempre feita com referência à minha autoria.

Sílabas à Solta

Textos de minha autoria. Imagens retiradas da internet. Qualquer reprodução dos meus conteúdos deve ser sempre feita com referência à minha autoria.

GRANDIOSIDADE

08.12.20 | Sandra

3447463_S.jpg

Abre-se a tarde em luz. Um sol tímido espreita, finalmente, entre nuvens que ainda marcam presença num céu frio e impiedoso. Do lugar alto onde estás, ficas completamente absorto nessa paisagem sem fronteiras. Misturas-te com os montes e a vegetação, as pedras e os horizontes, as cores e a grandiosidade que te cerca, e que faz de ti tanto de quem és. Tens em ti tanto da natureza que faz parte dos teus dias: o mar, as dunas, a serra, o monte, os arvoredos e as sombras, a lua e o sol aberto no horizonte distante. Tudo se mistura a esse teu inconfundível jeito de ser e que me fascina tanto. O teu espírito é imenso, acolhedor de mundos, outras vidas, histórias, limites atravessados em extremo, provas superadas. E em tudo, ressalta esse teu lado tão humano, essa tua transparência, que tudo abarca, tudo envolve, e a tudo se dá em sinceridade plena, de coração aberto ao mundo.

Ali vejo-te tornado pequenino pela vastidão que o teu olhar abarca, tu, uma simples criatura, que faz parte de algo muito maior, mais poderoso, que nenhum ser humano seria alguma vez capaz de recriar e que desperta sentimentos que as palavras ainda não conseguem exprimir no seu todo.

Como te defines tu, face a toda essa imensidão que se estende à tua frente? Creio teres a mesma grandiosidade, a mesma plenitude, os mesmos vastos horizontes. Creio seres capaz de sentir e transmitir a mesma sensação de liberdade, de leveza, de espanto e deslumbre.

Não perdemos o momento, afinal não é todos os dias que podemos dizer: "Agora compreendo!". Ficamos ambos em silêncio cúmplice, eu e tu, rendidos ao entendimento de algo imensurável, que escapa à nossa limitada condição humana, que nos mostra o que realmente importa...

Há momentos que nos colocam no nosso devido lugar, que ensinam quem somos nós, afinal; que nos provam o quanto de belo e único deixamos escapar por entre os dedos, o quanto estamos constantemente a perder por olhar na direção errada. Momentos que enaltecem os encantos que este Mundo tem, apesar dos desafios inerentes à espécie humana. Há momentos que nos aproximam mais à nossa própria origem, à nossa essência natural, quando é fácil deixar escapar o menos bom dos nossos dias e sermos nós próprios, sem ter que provar nada a ninguém. Momentos assim tornam-se inconfundíveis, inesquecíveis. É quando mais apetece o amor, o teu amor. Não é isso que a tudo enriquece, que a tudo complementa? Ama-me então!

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Sandra

    09.12.20

    Bom dia, alegria! Bom dia, meu amigo bem disposto grata por essa boa disposição que anima todos nós! Mil beijinhos, querido João, votos de dia risonho para ti🌷
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.